Cores

Preparando a Superfície

Veja quais são as maneiras corretas de se preparar uma superfície para a pintura.

A qualidade da pintura de qualquer superfície depende muito da forma como a superfície foi preparada. Segundo a Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT, NBR 13245), a superfície deve estar firme, coesa, limpa, seca, sem poeira, gordura, graxa, sabão ou mofo.

Apresentamos aqui de forma geral como preparar sua superfície. Nas embalagens Tinsul você encontra detalhadamente a forma correta para preparar e aplicar nossas tintas. Em caso de dúvidas entre em contato conosco.

Alvenaria:

  • Se o reboco for novo, aguarde a secagem e cura (28 dias no mínimo);
  • Partes sólidas ou mal aderidas devem ser eliminadas raspando, lixando ou escovando a superfície;
  • Manchas de gordura ou graxa devem ser eliminadas com solução de água e detergente, em seguida enxágue e espere secar;
  • Retire totalmente o mofo da superfície. Lave o local com solução de água sanitária e água potável na proporção 1:2. Deixe atuar por quatro horas antes de enxaguar e aguardar a secagem;
  • Em caso de concreto novo, aguarde a secagem completa (28 dias no mínimo) e aplique uma demão de fundo preparador;
  • Repintura: eliminar qualquer espécie de brilho, usando lixa de grana 360/400.

Madeira:

  • Eliminar qualquer espécie de brilho, usando lixa de grana 360/400;
  • Partes sólidas ou mal aderidas devem ser eliminadas raspando, lixando ou escovando a superfície;
  • Manchas de gordura ou graxa devem ser eliminadas. Use uma solução de água e detergente, enxágue e aguarde a secagem completa. Na madeira nova utilize estopa embebida em aguarrás ou thinner;
  • Retire totalmente o mofo da superfície. Lave o local com solução de água sanitária e água potável na proporção 1:2. Deixe atuar por quatro horas antes de enxaguar e aguardar a secagem;
  • Para envernizar madeiras novas, você deve lixar e aplicar uma demão de seladora para madeiras (somente para superfícies internas);
  • Na aplicação de esmaltes ou tinta a óleo é necessário, após a lixação, a aplicação de uma demão de fundo branco fosco, seguido por massa niveladora pra madeira, para corrigir as imperfeições, e pós a secagem nova lixação;

Metais Ferrosos:

  • Elimine qualquer espécie de brilho, usando lixa de grana 150/220;
  • Remova a ferrugem com lixa para metais de grana 80 a 150 e/ou escova de aço. Aplique uma demão de fundo anticorrosivo;
  • Repintura de ferro: lixe com lixa para metais de grana 360/400 até remoção total do brilho e dos pontos de ferrugem e elimine o pó. Trate as partes da superfície nas quais foi eliminada a ferrugem com a aplicação de fundo anticorrosivo.

Metais não ferrosos:

  • Superfícies novas: aplicar fundo fosfatizante ou fundo especial promotor de aderência;
  • Repintura: quando a pintura está velha, mas em boas condições, basta lixar com lixa para metais grana 360/400 e eliminar o pó;
  • Repintura de superfície com descascamento: lixe com lixa para metais grana 360/400 e em seguida aplique fundo especial promotor de aderência.

Fonte: Tintas imobiliárias de qualidade (ABRAFATI, 2008)

Para as situações e contaminantes mais frequentes, segue tratamento a ser aplicado.

Manchas de gordura e graxa

  • Limpar com água e detergente, enxaguar e deixar secar ou limpar com pano umedecido em Agua Raz.

Mofo

  • Limpar com água sanitária pura, enxaguar e deixar secar.

Ferrugem

  • Remover com lixa, escova de aço ou ferramenta mecânica e limpar com pano umedecido com Thinner Extra e aplicar o fundo adequado.

Partículas soltas ou desagregadas

  • Lixar ou escovar e aplicar o Fundo Preparador Tinsul.

Partes soltas ou sem aderência

  • Remover com espátula ou escova de aço.

Brilho

  • Eliminar com lixa de grana adequada.

Sabão

  • Enxaguar e deixar secar.

Poeira e pó de lixamento

  • Remover com escova de pelos, lavar com água e deixar secar ou limpar com pano umedecido em solvente adequado.

Umidade – Infiltração e migração

  • Eliminar a causa e deixar secar.

Imperfeições rasas

  • Reparar com massa adequada.

Imperfeições profundas

  • Reboco: corrigir com argamassa e aguardar cura total (28 dias no mínimo).
  • Madeira: corrigir com mistura de pó de madeira e cola.

Sais solúveis (deposição de sais da maresia – região litorânea)

  • Limpar com água e detergente, enxaguar e deixar secar.

Superfícies de reboco fraco, muito porosas, caiação e gesso

  • Lixar, remover o pó e aplicar uma demão prévia de Fundo Preparador Tinsul.

Trincas superficiais

  • Reparar com Massa Corrida (interiores) e Massa Acrílica (exteriores).

Trincas estruturais

  • Utilizar procedimentos e produtos específicos para sua preparação.